00:00:00
08 Jul

Mongeral Aegon completa 185 anos com previsão de crescimento

10 de janeiro de 2020
312 Visualizações

A seguradora Mongeral Aegon completa 185 anos em 2020 e celebra a data, de quinta-feira (9/1) a sábado (11/1), com o MAGNEXT, no Riocentro. No encontro, voltado a convidados e corretores de seguros, Nilton Molina, presidente do Conselho de Administração e Helder Molina, CEO da empresa apresentaram balanços e projeções da companhia juntamente com demais executivos. A previsão de crescimento para 2020 é de crescer 19%, bastante superior a projeção do mercado brasileiro que é de 11%. Entre os principais fatores para o crescimento da Mongeral Aegon estão a maior conscientização da população (desde 2017, a arrecadação do segmento de vida foi superior ao de automóveis, por exemplo), os marcos regulatórios (como seguro on demand e sand box), além de investimentos em tecnologia e inovação. As novas formas de distribuição por meio de ferramentas digitais impulsionarão o mercado segurador, mas sempre em parceria com o corretor de seguros. A tecnologia agiliza a busca e aquisição de um seguro cujo processo, antigamente, demorava de seis dias a quase um mês. Atualmente, já é possível concretizá-la em apenas 30 minutos com a ferramenta Venda Digital. Contudo, o profissional de seguro continua relevante em suas funções que foram otimizadas graças à tecnologia, que trouxe também o aumento operacional e a qualidade da informação do cliente. Entre os principais temas debatidos no primeiro dia do evento, destaque para a importância da Reforma da Previdência e da conscientização da população para a Longevidade tendo em vista que a sociedade brasileira deve viver mais e a ter menos filhos. Dos cerca de 210 milhões de brasileiros, 30 milhões correspondem a pessoas acima de 60 anos de idade. A expectativa é que, até 2050, um a cada três pessoas seja idosa. Apesar disso, a população precisa se preparar e adequar para que se viva mais, com qualidade de vida e uma renda salarial justa, características incompatíveis em um país em que aposentados são superdependentes do Governo. Cada vez mais se fará necessária a conscientização da sociedade brasileira a fim de criar o hábito de poupar dinheiro e investir em previdência privada ou em atividades em que haja um retorno financeiro. Esse é um cenário que já existe há muito tempo mundo afora. Há países, inclusive, em que o governo não está envolvido na aposentadoria da população e o Brasil começa a trilhar este caminho. Envelhecimento brasileiro e a conscientização do empregador O Brasil é um dos países que apresenta uma das taxas de crescimento de população superior a 50 anos mais rápidas do mundo. A média é de 1,28%. Países como Estados Unidos e França seguem em 0,50% e 0,37%, respectivamente. O mundo, no geral, cresce 0,71%. Em 1950, a expectativa de vida do brasileiro beirava os 51 anos. Já em 2018, saltou para 76 anos. Daqui a 30 anos, em 2050, a média de vida será 81 anos. E cada vez mais a procriação diminui. A taxa de fecundidade há 70 anos era de seis filhos por família. Já em 2017, caiu para um filho. Ainda assim, somente 5% dos brasileiros poupam dinheiro para o futuro. Portanto, há um despreparo para o envelhecimento atrelada à superdependência do Estado. As pessoas precisarão trabalhar por mais tempo, pois viverão mais. Já as empresas ainda são preconceituosas com quem passou dos 50 anos. A recolocação no mercado de trabalho fica cada vez mais difícil quando se está desempregado após os 50 anos. Tendo em vista que a média de filho por família tende a ser de um membro, as despesas residenciais, por exemplo, serão mais conturbadas. Por isso, é de suma importância a mudança cultural das organizações quanto à valorização dos trabalhos dos mais velhos que já fazem a sua parte ao se atualizaram, continuamente, seja na área de ocupação, tecnologia ou novos cursos. 31% dos brasileiros acima dos 60 anos buscam cursos em geral para se reciclar. Além disso, o poder de compra desta sociedade específica geralmente é maior do que a dos mais jovens que consomem menos. A medida colabora para o crescimento econômico do país. Os brasileiros acima de 50 anos movimentam em torno de R$ 1,6 trilhão por ano. A renda média desta faixa etária é 40% acima da média nacional. O mercado online é outro segmento em ascensão contínua dentre a população do Brasil com idade superior a 60 anos. O movimento chega a R$ 15 bilhões anuais. Além do investimento constante em tecnologia e inovação, a Mongeral Aegon buscará maior diversificação para aportar seus recursos nos próximos anos. O objetivo é valorizar o ativo, além de contratar mais profissionais especialistas em renda variável e o lançamento de fundo de ações, bem como o quinto fundo offshore fora do país, a fim de valorizar da moeda estrangeira. A programação na parte da tarde contou com as seguintes palestras: jogadora Marta; técnico Bernardinho; Osmar Navarini (diretor comercial da Mongeral Aegon); Renata Loyola (superintendente de Gestão de Inovação da Mongeral Aegon); Armando Virgílio (Fenacor), Alexandre Camillo (Sincor-SP), Henrique Brandão (Sincor-RJ). Amanhã, dia do aniversário da companhia, o evento seguirá com a mesma linha tratando de temas como inovação, tecnologia, seguro e investimentos por meio de painéis com personalidades como o economista e apresentador de televisão, Ricardo Amorim, Alex Wynaendts (CEO do Grupo Aegon), Mark Mullin (CEO Management Board Aegon), David Roberts da Singularity University (Universidade do Vale do Silício), o cantor Carlinhos Brown e ainda haverá premiação dos ‘Destaques de Vendas” da Companhia.

Assessoria de Imprensa

You may be interested

Corretores da Previsul Seguradora vivenciaram dias de muita tecnologia e inovação São Francisco, nos Estados Unidos
Previsul
5092 Vizualizações
Previsul
5092 Vizualizações

Corretores da Previsul Seguradora vivenciaram dias de muita tecnologia e inovação São Francisco, nos Estados Unidos

Redação - 24 de maio de 2019

A viagem foi a premiação final da Campanha Sou + Previsul de 2018 Dez corretores da Previsul Seguradora tiveram uma experiência com muita inovação e tecnologia na…

Formação como Corretor pode ser obtida ainda neste ano
Escola de Negócios e Seguros
113 Vizualizações
Escola de Negócios e Seguros
113 Vizualizações

Formação como Corretor pode ser obtida ainda neste ano

Redação - 7 de julho de 2020

Com tantas mudanças ocasionadas pela pandemia do novo coronavírus, 2020 se tornou um ano atípico. Muitos planos precisaram ser revistos, dentre eles os que envolviam os estudos.…

Porto Seguro Cartões agora oferece parcelamento em até 12 vezes sem juros
Porto Seguro
108 Vizualizações
Porto Seguro
108 Vizualizações

Porto Seguro Cartões agora oferece parcelamento em até 12 vezes sem juros

Redação - 7 de julho de 2020

Desde o dia 29 de junho, a contratação ou renovação dos seguros Porto Seguro Auto e Azul Seguro Auto, podem ser parcelados em até 12x sem juros…

Tomás Carmona, da SulAmérica, participa do podcast “Só no Social”
SulAmérica
122 Vizualizações
SulAmérica
122 Vizualizações

Tomás Carmona, da SulAmérica, participa do podcast “Só no Social”

Redação - 7 de julho de 2020

Estreou nesta segunda (6) o novo episódio do podcast "Só no Social", que conta com a participação do superintendente de Sustentabilidade da SulAmérica, Tomás Carmona. O programa,…

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WordPress Video Lightbox Plugin