00:00:00
21 Nov

Consórcio de serviços focado em educação é opção para quem quer dar continuidade aos estudos e se capacitar

21 de fevereiro de 2019
223 Visualizações

A entrada no mercado de trabalho se torna cada vez mais difícil, uma vez que a concorrência e as exigências profissionais só aumentam. Para os jovens entre 15 e 24 anos a situação não se mostra diferente. O Relatório Monetário Internacional (FMI), aponta que 20% das pessoas nessa faixa etária estão fora da escola e do mercado de trabalho. Nesse cenário, investir em uma faculdade ou em capacitações pode ser um diferencial, e o consórcio de serviços permite fazer isso de forma planejada.

Este mês, a Embracon lançou o Up Consórcio, um produto que chega para transformar o mercado de consórcio e oferece aos clientes a possibilidade de contratar serviços de educação, como faculdade, especialização, cursos de idiomas e intercâmbios, com uma carta de crédito. E o melhor: totalmente online, sem juros e sem taxas até a contemplação.

Com esta modalidade de serviços, o Up contempla quem quer alcançar pontos relevantes para conquistar um espaço no mercado, como mostra a pesquisa recente divulgada pela Robert Half, empresa de recrutamento e seleção. Segundo o estudo, 64% dos entrevistados preferem candidatos jovens e com qualificações que os tornam destaques em suas áreas.

As cotas do consórcio de serviços do Up vão de R$ 15 a R$ 30 mil reais – mas existe a possibilidade de contratar mais de uma cota simultaneamente, atingindo o valor total necessário para o pagamento do curso. Para adquirir, o interessado precisa acessar o site do Up e fazer uma simulação, na qual ele escolhe o valor da carta de crédito e a quantidade de parcelas que atendam ao seu perfil (20, 30 ou 40 meses). Depois de contratar o consórcio, basta pagar as mensalidades em dia e aguardar a contemplação por sorteio mensal ou antecipar as parcelas com a oferta de lances.

Consórcio de serviços cresce 54,3% em 2018, modalidade que mais se fortalece no Brasil

Segundo dados da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (ABAC), foram comercializadas 49,7 mil novas cotas de consórcio em 2018, número 54,3% superior às cotas comercializadas no mesmo período de 2017. Já o número de participantes ativos no sistema de consórcio de serviços passou de 52 mil de dezembro de 2017 para 77,5 mil em dezembro de 2018, o que representa um crescimento da ordem de 49%.

RPMA Comunicação

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WordPress Video Lightbox Plugin